11.9.16

Eu por Sergio Malcher




Sergio Malcher é um fotógrafo autônomo, natural e residente em Belém, que se dedica a registrar a vida cultural da capital do Pará. Até onde sei, não possui site ou blog próprios, veiculando assim sua produção no Instagram e no Facebook, desde 2011, pelo menos (aqui, o link dos álbuns de fotos de sua página pessoal; vários deles são álbuns públicos). Muitas vezes, inclusive, utilizei fotos suas para ilustrar resenhas de shows publicadas no Som do Norte.

Atuando na mesma área, com gostos musicais semelhantes, era frequente nos encontrarmos em shows e eventos no período em que morei em Belém (2010-14). Em algumas dessas ocasiões, Sergio me brindou com um registro de seu olhar. 

Escolhi para hoje esta foto feita em 13 de outubro de 2012, um sábado, dia de Arrastão do Círio (um dos cortejos promovidos pelo Arraial do Pavulagem - que já destaquei como Beleza Cultural aqui no blog -, no caso este é durante o Círio de Nazaré, tendo iniciado em 2000). O Arrastão saiu da Praça dos Estivadores, em frente à Estação das Docas, depois de concentrar na escadinha do início da av. Presidente Vargas (local que sempre será representativo para mim, pois foi exatamente no trecho da Baía do Guajará junto à escadinha que, em maio, eu espargira as cinzas de minha mãe, falecida em janeiro). O cortejo seguiu por diversas ruas do Centro Velho de Belém em direção à Praça do Carmo.

Confesso que, devido ao calor daquela manhã, eu e mais alguns amigos atalhamos, não seguindo a procissão toda, já nos dirigimos à praça, onde o cortejo chegou perto do meio-dia, tendo início o show do Arraial, mais os convidados - Lia Sophia, Luê, Nanna Reis, Mário Mousinho e Arthur Espíndola. Uma roda de carimbó homenageou Mestre Cupijó, falecido no mês anterior. 

É possível notar, ao fundo da foto, as tradicionais fitas dos promesseiros do Círio, que também já destacamos aqui no blog


Nenhum comentário: