20/05/2019

A Semana nº 80

  • Desde o dia 10, me encontro em Belém, dando início a minha temporada anual na cidade, que deve se estender até setembro. A partir de outubro, retorno a Maceió para nova temporada de aproximadamente seis meses na cidade. Semana passada não postei A Semana porque minha internet na nova residência só foi ligada na sexta, 17. 
***

ESTATÍSTICAS DO MEU INSTAGRAM

  • Estou com 2513 seguidores, 22 a mais do que na semana anterior (6 a 12.5). Meu perfil recebeu 265 visitas na semana de 13 a 19.5, sendo 20 na sexta 17 e 51 na terça 14.

  • Meu perfil foi descoberto por 13.181 contas na semana, sendo 3 mil na segunda 13 e 1,8 mil na sexta 17.



  • Pela primeira vez desde que comecei a fazer este levantamento semanal, houve uma inversão na ordem das cidades onde tenho mais seguidores. Em primeiro lugar, aparece Belém, seguida por Macapá, ambas com 14% (o que, entendo, significa que são números muito próximos, mas com ligeira vantagem para Belém). Em terceiro, segue Maceió, com 13%, e logo depois São Paulo (6%) e Murici-AL (2%). Internacionalmente, o Brasil segue líder com 92%; outra novidade é o "sumiço" dos Estados Unidos da lista. Empatados em segundo lugar, estão Argentina, Peru, Itália e Kuwait, todos com menos de 1%.

  • A maioria das pessoas que me seguem é de mulheres (70%). A faixa etária predominante é de 25 a 34 anos, tanto no geral (38%) quanto entre os homens (43%). Entre as mulheres, predomina a faixa de 18 a 24 anos (37%).

  • Em todos os dias da semana, tive 1,7 mil seguidores online, com uma maior concentração de segunda a quinta (13 a 16.5).

  • De acordo com o Gerenciador de Anúncios do Facebook, os Estados que mais responderam a meus anúncios desde o dia 1.5 foram a Paraíba (12,47%) e Pernambuco (12,11%). Os horários onde a resposta aos anúncios se concentra são as 22h (8,55%), seguidos pelas 21h (7,94%). Para surpresa de ninguém, a resposta às 4h da manhã beira o zero (0,47%). 


19/05/2019

Agende seu ensaio em Belém!




Estou atualmente em Belém, PA, onde devo permanecer até setembro.

Você que reside na capital ou em cidades vizinhas pode agendar seu ensaio comigo entrando em contato através do meu WhatsApp (82) 98164-4169

Se você mora em outras cidades do Estado, ou mesmo em Estados vizinhos, e quer fazer um ensaio comigo, entre em contato também, para vermos a viabilidade de eu me deslocar até sua cidade ou algum ponto que fique conveniente para ambos.

Você é quem irá definir quantas fotos terá e de que forma seu ensaio será entregue. Como referência, uso o último pacote que lancei: 15 fotos, em formato digital, por R$ 100,00. 

Aguardo seu contato! Vamos fotografar?
:)





Modelo da foto: Suzan Arraes 

06/05/2019

A Semana nº 79

  • Na quinta, 2, anunciei no Instagram mudanças no "Modelos pra Você Enaltecer": depois da última publicação diária, que aconteceu em 30 de abril, a atualização dos meus Stories que é semelhante a uma revista digital passará por duas importantes mudanças. Primeira, só vai veicular fotos de minha autoria. Segunda, se tornará uma publicação semanal. Em enquete que realizei também na quinta as seguidoras optaram por a postagem ser realizada em dia fixo, descartando a outra opção que seria postar de surpresa. Se você está lendo este post até as 12:58 da terça, 7, corra lá no Instagram para escolher se as postagens devem acontecer nas terças, quartas ou quintas. 

  • Na sexta, 3, anunciei - também no Instagram - minha nova forma de trabalho com ensaios fotográficos. Não há mais pacotes, exceto o Mini-Ensaio (15 fotos digitais por R$ 100), que tanto é um produto disponível para contratação como serve de referência. Veja o vídeo no IGTV detalhando tudo. 

  • No domingo, 5, camisetas de vários modelos meus homenageando a capital do Amapá (a "Macapá", a "Fortaleza de Macapá" e a "Marco Zero") estiveram à venda no 1º Mega Bazar "É o Bicho", promovido aqui em Macapá pelas ONGs  Anjos Protetores, SalvAção, AMAR, Gateiros Tucujús e Instituto Vira-latas.

***

ESTATÍSTICAS DO MEU INSTAGRAM

  • Estou com 2.489 seguidores, 43 a mais do que na semana anterior (22 a 28.4). Meu perfil recebeu 418 visitas entre 29.4 e 5.5, sendo 84 na terça, 30.4, e 32 no sábado, 4.5.

  • Meu perfil foi descoberto por 3.216 contas na semana, sendo 1,7 mil na segunda, 29.4, e apenas 219 na quarta, 1.5 (feriado). 





  • As cidades onde tenho mais público seguem sendo: Macapá (15%), Belém (12%), Maceió (12%) e São Paulo (6%). No quinto lugar, Boa Vista marca presença novamente com 2%. Em termos mundiais, o Brasil segue líder absoluto com 92%, vindo logo depois os Estados Unidos (1%) e Albânia, Panamá e Irã com menos de 1% cada. 

  • As mulheres seguem liderando o ranking de seguidores por gênero, novamente com 70%. A faixa etária predominante entre seguidores em geral é de 25 a 34 anos (37%); entre os homens, esta também é a faixa principal, com 43%. Já entre as mulheres, a faixa de 18 a 24 anos é a dominante, com 37%.

  • Quinta, 2, e sexta, 3, tive 1,7 mil seguidores online. Nos outros dias da semana, foram sempre 1,6 mil.

  • De acordo com o Gerenciador de Anúncios do Facebook, do dia 1.5 até hoje o estado que mais interagiu com meus anúncios foi São Paulo (11,34%), seguido da Bahia (9,45%). Os horários de melhor respostas são as 18h (6,54%) e logo depois as 13h (5,91%). 



02/05/2019

Arquivo: Ilumiara


O grupo Ilumiara, de Belo Horizonte, se apresentou ontem no Teatro Sesc-Senac Pelourinho, dentro da série Sonora Brasil - Cantos de Trabalho, que está percorrendo a rede SESC do Brasil. 


Dos quatro grupos que a capital baiana está recebendo (iniciada na quarta, a série prossegue hoje com as Quebradeiras de Coco Babaçu, do Maranhão, e encerra no sábado com as Destaladeiras de Fumo de Arapiraca, Alagoas, sempre às 19h), Ilumiara é o único formado por músicos-pesquisadores, e não por trabalhadores ligados a uma tradição. Para os demais conjuntos, o simples ato de entoar em um palco músicas que por décadas embalaram trabalhos rurais, interpretada pelas próprias pessoas que executavam estes trabalhos, será uma novidade tanto para quem estiver assistindo quanto para quem for se apresentar. Este não é o caso de Ilumiara, que ousa ao colocar lado a lado no palco instrumentos da tradição brasileira como a rabeca e surpresas como a marimba tocada com arco de violino (foto à esquerda) ou uma espécie de "berimbau de boca" (foto final do post). 

O fato de Ilumiara não estar atrelado a uma tradição específica gera bastante liberdade em seu repertório, que os músicos vão tecendo através de suas próprias pesquisas ou recorrendo a arquivos de pioneiros nesta área como Mário de Andrade e Ayres da Mata Machado. O resultado de todas essas misturas é uma música de ares camerísticos, cuja principal marca é a suavidade (até pela opção de ter como vocalistas duas sopranos, Letícia Bertelli e Marcela Bertelli). A exceção foi ao final, na junção de vissungos que foi entoado por todos os músicos, e que foi a parte do espetáculo com maior carga de influência africana.


  • Pra quem se interessou em conhecer mais, uma boa notícia: Ilumiara acaba de gravar um CD, disponível para audição no Soundcloud do grupo


Fotos: Fabio Gomes
Veja o álbum completo no Facebook

***

  • Making-off do texto:  Publicado originalmente como "Show Salvador: Ilumiara" no blog Jornalismo Cultural em 31.7.15, durante os três meses que passei em Salvador naquele ano (de julho a outubro). Uma das poucas resenhas com foto que publiquei no período, em que priorizei registrar eventos ligados ao meu trabalho (foi a viagem que fiz divulgando as fotos e os curtas com As Tias do Marabaixo por Tocantins, Bahia e Rondônia). 

  • Os links mencionados no texto seguem ativos, tanto o do álbum com minhas outras fotos, quanto o CD no Soundcloud do grupo.