3.10.16

Belezas Culturais: Estátuas de Dorival Caymmi

Nessas andanças por aí, encontrei duas homenagens em forma de escultura ao baiano Dorival Caymmi (1914-2008).

A primeira é esta estátua na praia de Copacabana, no Rio de Janeiro. De autoria do escultor Otto Dumovich, foi inaugurada em 2008 e fica próxima da estátua de Carlos Drummond de Andrade (que já vimos no Ensaio com o Oceano Atlântico). Fiz a foto em setembro de 2013, em breve passagem pela Cidade Maravilhosa. Por essas coisas que só acontecem no Rio, no dia seguinte após ter feito esta foto me deparei com um dos filhos de Dorival, Danilo Caymmi, sentado numa mesa próxima à minha na cafeteria Cafeína, também em Copa! 

No mês seguinte, na semana em que passei em Salvador, fui aconselhado a me hospedar em Itapuã. O bairro é mais próximo do aeroporto. de modo que chegar lá de táxi é bem mais em conta que ir para a área central ou a Barra. E por essas coisas da vida, a pousada que escolhi ficava exatamente no início da... Avenida Dorival Caymmi!

Bem próximo dali, junto à Avenida Octávio Mangabeira, fica a Praça Dorival Caymmi, já cantada por Toquinho e Vinicius em 1970 no megassucesso "Tarde em Itapuã".





Nesta praça existe um busto do compositor. Diferentemente do que cantou Vinicius, não há ninguém vendendo água de coco na praça Caymmi (ou pelo menos, não havia em 2013). Mas basta você atravessar a rua que você encontra vários! ;)




Busto inaugurado em 2008,
obra de autoria de Márcia Magno


  • O fato de estas homenagens se concentrarem nos bairros de Copacabana e Itapuã não é por acaso, evidentemente. Caymmi dedicou ao menos uma obra-prima a cada um deles, respectivamente "Sábado em Copacahana" e "Saudade de Itapuã" (que na gravação de Caetano Veloso em 1982 ganhou o título de "Coqueiro de Itapuã"). Além de ter morado por cerca de 50 anos em Copacabana. 

Nenhum comentário: