14.12.16

Video: De Minas a Noel




Este vídeo que posto hoje não é de minha autoria. Vou contar aqui como me tornei o divulgador deste material, originalmente criado, em 1987, como um... trabalho de aula. Um trabalho de aula luxuoso, convenhamos, afinal não é todo dia que você vê alguém na faculdade apresentando um trabalho onde entrevistou, entre outros grandes nomes, Chico Buarque e João de Barro (Braguinha)!

Entre 2002 e 2016, mantive no ar o site Brasileirinho, onde fazia divulgação de música brasileira. Algumas vezes, criei espaços no site (os chamados 'hotsites') para destacar conteúdos específicos. Um deles, em 2006, foi para divulgar o Projeto Brasileirinho, desenvolvido pela professora Vânia Corrêa Pinto na escola Vicente Januzzi, no Rio de Janeiro, a partir do CD de Maria Bethânia também intitulado Brasileirinho e lançado em 2003.

Outro hotsite, criado em 2008, foi dedicado a Noel Rosa, cuja obra passara ao domínio público naquele ano. A repercussão do espaço levou a professora Vânia a me colocar em contato com sua amiga Ana Cristina Rodrigues, também professora.

As duas são de Muriaé (MG), onde Ana Cristina, quando estava na faculdade estudando Letras, produziu o vídeo junto com colegas suas (já nomeio todas), por ocasião do cinquentenário do falecimento de Noel Rosa (1910-37). Segue a descrição do vídeo no YouTube:

Documentário produzido pelas alunas do Instituto de Letras da da Faculdade de Filosofia de Muriaé (atual Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras Santa Marcelina) Ana Cristina Rodrigues, Carla Cristina Amaral, Luciane Machado, Marília Lopes e Wanda Lucia Aguiar, em 1987, ano do cinquentenário da morte de Noel Rosa (1910-37). São entrevistados: Ruy Faria, Chico Buarque, Alcyr Pires Vermelho, João de Barro (Braguinha), Hélio Lopes e Paulo Carvalho. O vídeo encerra com um passeio por Vila Isabel.

Ana Cristina me enviou o material para que eu o divulgasse. Em termos de edição, o que eu fiz foi basicamente separar o vídeo em capítulos - na época, o YouTube não aceitava vídeos maiores que 10 minutos. Surpreendentemente, o trabalho original, feito em VHS (e depois transcrito em DVD-R), parecia já prever isso, pois nenhum dos segmentos ultrapassa esse tempo. Só precisei excluir um trecho logo no início, onde a imagem de um pavão no parque estava realmente sem condições técnicas, mas isso em nada prejudica o resultado final.

O vídeo contém três interpretações inéditas, todas na entrevista com Alcyr Pires Vermelho. O pianista executa "Feitio de Oração" (Vadico - Noel Rosa), "Com que Roupa?" (Noel Rosa), além de "Laura", do próprio Alcyr em parceria com João de Barro - coincidentemente, os autores de "Laura" são os únicos entrevistados do material que já faleceram.

Cheguei a exibir o filme publicamente em Porto Alegre duas vezes em 2009: uma na Oficina de Choro e Samba do Santander Cultural, e outra no cinema do Instituto Cultural Brasileiro-Norte Americano.

Esta postagem de hoje comemora duplamente o aniversário de Noel Rosa (seriam 106 anos completados no domingo, 11) e o final de ano. Sim, logo logo este blog entrará em férias!
:)


Nenhum comentário: